Porto Alegre,
 
        
 
       
Artigos
Assembleia Legislativa
CANOAS
Famurs
FECOMÉRCIO
Governo do Estado
GRAVATAÍ
OAB
SIMERS
SISTEMA OCERGS/SESCOOP
 



 
  
 
 
10/06/2020

O  Supermercado Paulinho, empresa conhecida há várias gerações, vem a público esclarecer questionamentos e informações divulgadas publicamente a respeito da contaminação de funcionários que havia interditado um dos estabelecimentos no início de maio.

Fundamentalmente é importante esclarecer que todas as unidades estão operando legalmente e atendendo às exigências sanitárias de prevenção a propagação da COVID-19 feitas pelos órgãos oficiais.

É importante frisar que a contaminação dos funcionários pela COVID-19 possivelmente foi fruto de um evento particular realizado no feriado do dia 1º de maio e não em virtude dos procedimentos usuais do mercado. O Plano de Contingência da empresa, assinado por responsável técnico, estabeleceu a compra de equipamentos que foram realizadas dentro da viabilidade do mercado vendedor. O referido Plano foi apresentado no dia 18 de maio e no dia 19, menos de 24 horas após, quando estavam as compras em andamento, a empresa foi punida com o fechamento de uma loja. O Plano de Contingência firmado por responsável técnico foi entregue dentro do prazo requerido, sua implementação se iniciou de forma automática, onde o movimento de compra é parte integrante da ação, da execução, portanto, não houve falha nesse sentido por parte da empresa.

Não temos notícia da contaminação de qualquer cliente da empresa, o que comprova que a assepsia dos locais de contato sempre foram realizadas a contento. Outra questão relevante, diz respeito às denúncias de que funcionários afastados teriam retornado ao trabalho, enquanto, na verdade, esses, haviam sido liberados por constarem seus nomes em uma lista firmada pela Secretaria da Saúde Municipal.

Por assim, com os documentos existentes, temos a certeza de estar demonstrada nossa capacidade de garantir as melhores práticas para evitar o alastramento da Pandemia através de nossa empresa.

O Supermercado Paulinho é uma segura e econômica forma de adquirir os produtos necessários e úteis no dia a dia da nossa população.

Texto: Marcelo Matusiak/Foto: Divulgação

 
Institucional | Anuncie Aqui | Edições Anteriores | Assine